cámara termográfica Tempo de leitura: 3 minutos

Câmera termográfica ou térmica

Uma câmera termográfica ou câmera térmica é um tipo de câmera que permite mostrar imagens feitas a partir da radiação de calor emitida por um corpo. Trata-se de um dispositivo que, graças às emissões de raios infravermelhos, forma imagens luminosas que são visíveis pelo olho humano.

Este tipo de câmeras trabalha com longitudes de onda situadas na zona do infravermelho térmico, que costumam ir desde 3 a 14 μm. Desta forma, uma câmera termográfica permite enxergar radiação de uma pessoa, animal ou objeto que, em condições normais, não poderíamos enxergar sem uma luz visível no ambiente.

 

Como funciona?

Qualquer corpo que esteja acima do zero absoluto (-273 ºC) emite radiação infravermelha. Quanto mais radiação seja emitida, maior será também a temperatura do corpo. Deve-se considerar que este tipo de radiação não é visível a olho humano, já que corresponde a um espectro de radiação fora da luz visível. 

 

New Call-to-action

 

Uma câmera termográfica dispõe de um sensor térmico denominado microbolômetro, que é o encarregado de mudar sua resistência elétrica ao receber a radiação. Deste modo, a resistência mede e iguala uma temperatura a uma cor concreta. Quando todas estas cores se sobrepõem, geram a imagem visível, criando volumes e formas a partir das distintas temperaturas observadas.

 

Diferencial

Hoje em dia há muitas aplicações de visão que necessitam de soluções além do espectro de luz visível. Devido às características de emissão, é possível encontrar câmeras térmicas que são capazes de determinar as temperaturas de um corpo a partir de três longitudes de onda: de 0,9 a 2,5 μm; de 3 a 5 μm; e de 7 a 14 μm.

 

Longitudes de onda

  • De 0,9 a 2,5 μm:

Estão baseadas em detectores InGaAs refrigerados de sensibilidade e resolução muito altas. Isso permite capturar imagens que vão mais além do espectro visível e, inclusive, também em ambientes completamente escuros.

  • De 3 a 5 μm:

Estão baseadas em detectores InSb ou MCT. Por suas características, os sistemas baseados em meia longitude oferecem serviços muito úteis ao realizar os trabalhos relacionados com o controle remoto de espécies biológicas ou elementos químicos, assim como o monitoramento de alguns processos industriais.

  • De 7 a 14 μm:

Estão baseadas em sensores de tipo microbolômetro refrigerado, não refrigerado e sensores MCT. São mais econômicas e ideais para aplicações como manutenção preventiva, inspeção em processos de construção, assim como em vigilância e segurança.

 

Aplicações

As aplicações de uma câmera termográfica são encontradas em setores que vão desde a segurança à medicina, passand pela indústria e a construção. Algumas de suas utilidades mais comuns são as seguintes: 

  • Aquecimento de componentes elétricos defeituosos
  • Fricção em motores ou máquinas
  • Desequilíbrios nas cargas
  • Controle de qualidade em processos industriais
  • Vazamentos ou obstruções em canos
  • Conexões erradas
  • Prevenção de incêndios
  • Sobrecargas em circuitos
  • Nivelamento de depósitos
  • Reações químicas
  • Eficiência energética
  • Vazamentos térmicos
  • Detecção e estudo de umidades
  • Falhas em isolamento
  • Distribuição das temperaturas da climatização
  • Detecção de lesões por aumento de fluxo sanguíneo
  • Localização de seres vivos
  • Análises médicas não invasivas
  • Investigação médica

 

 

New Call-to-action