procesos de fabricacion Tempo de leitura: 3 minutos

Melhorar os processos de fabricação é imprescindível se queremos aumentar a competitividade da nossa empresa. Aplicar os avanços tecnológicos atuais pode contribuir no crescimento e desenvolvimento da indústria. Interessa-te? 

Os processos de fabricação evoluíram significativamente durante os últimos séculos. A evolução da fabricação manual, usada por obreiros ou artesãos, ao processo automatizado, resultou no aumento da produção e a redução dos custos. A optimização do tempo e a qualidade final do produto.

 

Como passou a ser a fabricação de manual a automatizada?

Ao inicio, uma única pessoa era encarregada de fabricar o objeto. Portanto, esta se encarregava de todos os processos. As ferramentas ou as técnicas, habitualmente permaneciam em segredo.

No final do século XIX começam a aparecer os primeiros processos de produção em série.  Estes procuram eficiência e precisão. O produto é fabricado na linha de montagem, com uma sequência de operações técnicas préestabelecidas. O tempo consumido por cada tarefa é calculado com precisão.

Henry Ford sob a organização cientifica do trabalho implantada por Frederic Taylor (taylorismo) introduziu o “Fordismo”. Essa nova organização do trabalho transformaria a forma de consumo da sociedade. Assim como a forma de trabalhar dentro da indústria.

 

Em que consiste o Fordismo?

É uma nova forma de trabalhar na qual cada trabalhador executa uma função especifica. A tarefa é simplificada e especializada ao máximo. Trabalha-se em grandes linhas de produção. Isto levou a um aumento da qualidade e da produção em massa.

 

Características do “Fordismo”

  • Introdução da linha de montagem.
  • Simplificação da tarefa.
  • Um trabalhador por cada lugar de trabalho.
  • Fabricação em série.
  • Especialização da tarefa.
  • Aumento de controle de qualidade.

 

A importância do controle de qualidades na produção:

O controle de qualidade é indispensável, para assegurar a qualidade mínima que precisa ter um produto. Assegurar a qualidade de um produto, contribui na competitividade e desenvolvimento da indústria. A visão artificial é uma ferramenta muito útil usado como controle de qualidade.

 

O controle de qualidade permite-nos obter as seguintes vantagens:

  • Aumento da produtividade.
  • Diminuição de perdas de materiais.
  • Redução de custos.
  • Melhor qualidade final do produto

 

Papel da Visão artificial no controlo de qualidade:  

A visão artificial dentro da indústria abrange diferentes campos como o controlo de qualidade, medição, contagem, rastreabilidade, identificação, posicionamento e verificação. Estes sistemas integram capturas de imagens digitais para o controlo de aplicações industriais ou guiado de robôs (braços robóticos ou cobots) garantindo a automação.

O sistema inspeciona e assegura que alcança os requisitos mínimos que o produto requere. Também informa de possíveis erros.

 

Vantagens da visão artificial:   

  • Redução de custos.
  • Consistência.
  •  Repetibilidade.
  • Inspeções da produção total.

 

Sistemas automatizados colaborativos nos processos de fabricação:

Atualmente como automatizaçâo industrial, temos uma grande quantidade de aliados tecnológicos que facilitam as tarefas mais pesadas. Os cobots ou robôs colaborativos são de grande ajuda para realizar tarefas perigosas, pesadas, repetitivas ou monótonas.

O robô colaborativo é mais seguro e fácil de programar. As conhecidas como industrias 4.0 o Industria 5.0 se mostram-se como futuro próximo. A colaboração de homens e robôs é o caminho de uma indústria cada vez mais unida à tecnologia.

O cobot promete flexibilizar os processos, aumentar a qualidade final do produto e a produtividade. Liberta o trabalhador das tarefas que não deseja realizar.

A visão artificial ou a robótica colaborativa são alguns dos recursos tecnológicos disponíveis para ampliar o controle de qualidade. Controlando a qualidade contribuímos na melhoria dos processos de fabricação.

A tecnologia atual dispõe de vários recursos para a melhoria e aumento da qualidade do produto e portanto da competitividade da indústria.

Porque não fazer uso deles?

Post
Processo de Fabricação: O controlo de qualidade é imprescindível
Título
Processo de Fabricação: O controlo de qualidade é imprescindível
Subtítulo
Os processos de fabricação evoluíram significativamente durante os últimos séculos. A evolução da fabricação manual, usada por obreiros ou artesãos, ao processo automatizado, resultou no aumento da produção e a redução dos custos. A optimização do tempo e a qualidade final do produto.
Autor
Editor
INFAIMON
Logo