termografía médica Tempo de leitura: 2 minutos

O que é a termografia médica?

Ao falarmos sobre a termografia médica, estamos falando sobre um tipo de tecnologia que permite a medição da temperatura sem contato direto, que não se irradie e que permite o monitoramento das funções fisiológicas relacionadas com a temperatura da superfície da pele.

Esta ferramenta serve de apoio aos profissionais clínicos na hora de realizar a detecção e localização das anomalias ou doenças que os pacientes possam ter. Isso é possível através do aumento e diminuição da temperatura superficial cutânea, o que permite quantificar de maneira precisa as mudanças da temperatura de cada zona da pele utilizando câmeras infravermelhas.

New Call-to-action

A termografia médica é uma técnica que não apenas pode medir de maneira pontual a temperatura, mas que, além disso, também permite observar a sua distribuição no corpo do paciente. Trata-se de uma técnica não invasiva, e que pode localizar as zonas do organismo nas quais que existam uma hipertermia, que pode ser produzida por diferentes tipos de lesões. Entre suas principais utilidades, encontramos a detecção de certos tipos de tumoração, problemas de caráter circulatório, ou enfermidades relacionadas com as articulações e os músculos.

 

História da termografia médica

Os primeiros experimentos técnicos foram realizados em 1957. Entretanto, a termografia médica nunca chegou a realizar um reconhecimento com a mesma exatidão que a radiografia. Nos últimos anos, graças a uma termografia médica mais avançada, especialmente desde o ponto de vista tecnológico, os resultados aumentaram expressivamente. Deste modo, hoje em dia apresenta-se como uma das melhores provas na hora de detectar diferentes enfermidades, situando-se à altura das radiografias e das MRI (Imagem por ressonância magnética).

 

Objetivos da termografia médica

A exploração mediante termografia apresenta uma série de vantagens com relação a outros métodos de diagnóstico mais tradicionais. Não são invasivas, são indolores e, além de tudo, não submetem à radiación.

O principal objetivo desta tecnologia aplicada ao campo da medicina é prevenir doenças, já que permite identificá-las com mais antecedência que os outros tipos de provas de análises convencionais. Deste modo, é possível atuar sobre a doença em questão antes de que esta avance a estágios mais perigosos ou agressivos contra a saúde do paciente.

A termografia médica pode ser utilizada na identificação de enfermidades que incluam dor ou lesões deportivas, assim como nos casos de enfermidades de tipo muscular, artrites, trastornos de tipo autoimune, inflamações, retenção de líquido no sistema linfático ou no sistema circulatório. Tudo isso a converte em uma ferramenta muito útil nos centros médicos, sobretudo quando é utilizada de maneira combinada com o resto de técnicas de exploração disponíveis.

Um bom exemplo de suas utilidades é o controle do câncer de mama. Neste caso, a termografia médica permite realizar um acompanhamento da doença sem necessidade de que as provas invasivas tenham que ser realizadas de maneira recorrente, apenas nos casos em que a termografia não seja o suficiente.

 

New Call-to-action